recife resiste!


Estudantes prometem parar o Recife terça-feira contra aumento das passagens
09/01/2011, 08:39
Filed under: notícias | Tags: , ,

Em resposta ao aumento nas tarifas de ônibus, metrô e trem do Recife e Região Metropolitana (RMR), os estudantes prometem parar a capital pernambucana na próxima terça-feira (11). O protesto foi decidido no início da tarde deste sábado, durante reunião dos líderes do movimento estudantil.

“Se a passagem não baixar, o Recife vai parar”, ameaçou a presidente da União dos Estudantes Secundaristas de Pernambuco (Uespe), Stephannye Vilela. O protesto está marcado para as 13h e deve sair no antigo Ginásio Pernambucano, que fica na Rua do Hospício. Até o fim do dia, as entidades estudantis devem definir o percurso, mas a ideia é que a passeata comece e passe pela Avenida Conde da Boa Vista.

Com a ação, os estudantes pretendem não apenas evitar o aumento, mas exigir melhorias na qualidade do transporte público da RMR. “A nossa proposta é justamente o contrário do que eles estão fazendo. Nossa luta é para que eles diminuam o preço das tarifas”, disse Alexandre Ferreira, presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE). Para isso, os representantes do movimento estudantil reivindicam que as empresas de ônibus prestem contas e passem por uma auditoria.

Além da UNE e da Uespe, a reunião também contou com a participação dos diretórios centrais de estudantes da Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE).

Reajuste – O aumento de 8,66% foi anunciado na última sexta-feira pelo Grande Recife Consórcio de Transportes e começa a valer a partir deste domingo (9). A tarifa do anel A, responsável por 80% do deslocamento dos cerca de 1,85 milhão de passageiros todos os dias no Grande Recife, passa de R$ 1,85 para R$ 2,00. Enquanto o anel B passa de R$ 2,80 para R$ 3,10. A passagem do metrô passará dos atuais R$ 1,40 para R$ 1,50.

Mídia Corporativa: pernambuco.com

Anúncios

3 Comentários so far
Deixe um comentário

Um protesto puxado por tanta instituição do mal não me deixa tão esperançoso assim, mas quem sabe não é um ponto de aglutinamento para algo mais produtivo.

Há algum início de mobilização contra esse aumento que não seja puxado por tanto político profissional?

Comentário por Guivaldo

siiiiiiim!

Comentário por CABUM

Se faz necessário um resgate de 2005/2006 com uma intensidade 100 vezes maior.

Comentário por Jesus




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: