recife resiste!


Batucada contra a repressão na UFPE
28/04/2011, 12:55
Filed under: notícias | Tags: , , , , ,

O QUE o GAY, a PUTA, a SAPATÃO , x PRETX, x POBRE , x LOMBREIRX, tem a ver com SEGURANÇA ??

A batucada na frente do CAC ( 29/04) não terá apenas o intuito de curtição ou reviver a época das calouradas. É isso e mais, PRETENDEMOS COM O ESPAÇO ABERTO DIVULGAR os últimos acontecimentos de agressão por parte dos seguranças da TKS contra os estudantes da UFPE.

Se você tem um caso pra contar, esse é o momento de somar as denúncias!

NA TERÇA –FEIRA( O3/05) FAREMOS UM ESPAÇO DE DEBATE COM A MESMA TEMÁTICA TAMBÉM NA FRENTE DO CAC:

“O que você acha que esse grupos tem a ver com SEGURANÇA?”

Batucada contra a repressão

Em frente ao CAC

A partir das 16:30

Sexta-feira, 29/04

APAREÇA.
CONTRIBUA.

Obs.: Traga panelas, instrumentos, comidas, tintas, amor e raiva.

Pra ter um relato detalhado do ocorrido é só ler a matéria até o fim,

Terça-feira 19/04/2011 (21:30 – 22:00)

Estávamos nós no Bar da Margarida esperando a chegada de alguns materiais para o encontro regional de Ciências Sociais, ERECS, que começaria no outro dia em Caruaru. Assim que chegaram os matérias fomos para o CFCH ajudar a transportá-los para o DA.

Assim que começamos a entrar com os materiais no prédio fomos inquiridos por um segurança terceirizado, da empresa TKS, sobre os materiais – como de praxe a interrogação se deu de forma desrespeitosa, como se tivéssemos a obrigação de respondê-lo. Foi dito ao mesmo que não devíamos explicações a tal funcionário de uma empresa que nem sequer deveria estar ali dentro, em seguida informamos ao segurança patrimonial do GTO, funcionário público, que caso houvesse necessidade de averiguação do material eles poderiam subir para realizar a conferência.

Já no 2º andar, outro segurança da TKS solicitou que fosse conferido o material. Foi dito a este que poderia realizar-se, porém do lado de fora, uma vez que não há motivos para se permitir a entrada dos seguranças no CFCH, e muito menos no nosso DA.

Quando chegamos ao 2º andar o mesmo segurança já estava começando a abrir a porta para ingressar no DA, fato este que foi impedido por nós. Após discussão o mesmo saiu da frente do DACS sem conseguir entrar no mesmo.

Descemos ao térreo onde começamos a conversar com dois seguranças patrimoniais da universidade, com os quais argumentamos que é um absurdo eles ficarem calados frente a invasão de uma empresa privada nos encargos de funcionários públicos que estão sendo exterminados via substituição por esta empresa e por longo tempo sem concurso público para tal função. A discussão supostamente havia se encerrado, apertamos as mãos dos servidores e voltávamos para o lado de fora do CFCH.

Tudo parecia resolvido!

Assim que chegamos ao lado de fora chegava também uma moto da TKS ao CFCH e nos acompanhava, sem que percebêssemos. Outro segurança veio de dentro do CFCH. Assim que percebemos a presença destes fomos apontados pelos mesmos, com a expressão “são estes aí”, de forma a tentar nos intimidar. Mais uma vez demos a resposta devida, que não devíamos nada aos mesmos que estes não deveriam nem estar ali. Os seguranças seguiram a intimidação e seguiu-se uma discussão mais forte, até o ponto em que um dos seguranças empurrou e em seguida deu um MURRO no rosto de um dos estudantes e o outro segurança um CHUTE na barriga do outro estudante.

Pasmem. Como se não bastasse a sequência de abusos supracitados, ao chegar à delegacia para prestar queixa da agressão, quem encontramos lá? Isso mesmo, lá já estavam os seguranças da empresa TKS prestando queixa contra nós. Junto aos mesmos estavam os guardas patrimoniais da universidade, em clara demonstração de apoio institucional. Prestamos queixa na delegacia da várzea e realizamos o exame de corpo de delito no IML, agora aguardamos o inquérito da polícia ser enviado ao Ministério Público para darmos prosseguimento a um processo contra a Universidade, a empresa TKS e o agressor (Demétrius).

Daqui para frente… Além dos encaminhamentos legais temos quase que o dever de fazer algo contra os excessos deste plano de segurança atropelado da UFPE, contra esta empresa que mostra total despreparo para o serviço de segurança, ainda mais de uma universidade pública. Empresa esta que está com seus funcionários, “super preparados”, isso quer dizer ARMADOS fazendo rondas DENTRO do CFCH, inclusive abrindo salas de aulas e Diretórios Acadêmicos, como já foram visto abrindo o DA de Filosofia.

Aconteceu conosco porém poderia acontecer com qualquer um(a). Esta política de segurança fascista expressa tanta nas agressões (esta relatada não foi a única), quanto no entendimento de confronto Universidade x Comunidade – claro na forma de CATRACAS e de determinação da diretoria do CFCH de fechar a grade de trás por motivos de segurança, justo a que esta “aberta” para a saída da Universidade para o resto da Várzea.

Já é hora de dizermos basta, e de nos posicionarmos enquanto sujeitos que vivem a universidade e têm o direito de intervir no plano de segurança. Temos que dar um basta neste plano de segurança que apenas falaciosamente nos protege, mas que na realidade bate em estudantes que se negam a obedecer a desmandos autoritários, casais homossexuais – quem se lembra do código 18*? -, isso sem falar na galera da bicicleta que vive sendo enquadrada por ter que pular a grade.

*Código da empresa de segurança que caracteriza a homossexualidade como crime.

A batucada na frente do cac ( 29/04) não terá apenas o intuito de curtição ou reviver a época das calouradas. É ISSO E MAIS, PRETENDEMOS COM O ESPAÇO ABERTO DIVULGAR os últimos acontecimentos de agressão por parte dos seguranças da TKS contra os estudantes da UFPE,
Se você tem um caso pra contar, esse é o momento de somar as denúncias!

NA TERÇA –FEIRA( O3/05) FAREMOS UM ESPAÇO DE DEBATE COM A MESMA TEMÁTICA TAMBÉM NA FRENTE DO CAC
O que você acha que esse grupos tem a ver com SEGURANÇA?
APAREÇA.
CONTRIBUA.

Espaço ABERTO para denúncias !!

Anúncios

8 Comentários so far
Deixe um comentário

Outro relato:

EU FUI AGREDIDO NO CAMPUS DA UFPE POR SEGURANÇAS TERCEIRIZADOS ARMADOS

A segurança terceirizada contradada pela ufpe agrediu mais dois estudantes. Eu fui um dos agredidos. A causa da agressão: Discutir, discordar, duvidar e se afirmar diante de uma arbitrariedade. Qual arbitrariedade?Um Segurança terceirizado armado andando pelos corredores e querendo entrar no d.a de ciências socias para realizar um procedimento, a contagem de materias que entram na universidade, que deveria ser feito na portaria.Foi esse que me agrediu? Não. Os agressores foram dois seguranças que chegaram depois da discussão, que tinha caminhado para uma solução pacífica, para intimidar os estudantes envolvidos. Já estavámos saindo do cfch.Eu levei um chute na barriga e outro estudante levou um murro na boca. Até quando a comunidade universitária vai se calar diante da militarização da segurança da instituição? A negligência da opinião pública ajuda a consolidar o poder autoritário. A brutalidade institucional também é fruto da indiferença.Será que é preciso dizer isso? Ou você acha correto que os novos educadores e mediadores de conflitos na ufpe sejam os socos e as armas de uma guarda terceirizada? Hoje a liberdade dos estudantes da ufpe foi atacada. Se a negligência permanecer, acreditando que nossa universidade pública é linda e maravilhosa, e se a mobilização estudantil continuar sendo vista como “falta do que fazer”, existirão outros universitários agredidos.Pode ter certeza que a minha liberdade não foi a única atingida.

http://www.facebook.com/notes/diego-bezerra/eu-fui-agredido-no-campus-da-ufpe-por-seguran%C3%A7as-terceirizados-armados/143995422337832

Comentário por reciferesiste

Vídeo que mostra a revolta de aluna após a agressão na UFPE

http://www.twitvid.com/LJIXG

Comentário por reciferesiste

Falta pouco para confundir a UFPE com uma prisão.
Já temos grades, roletas na entrada, rondas de seguranças armados, câmeras de segurança, salas superlotadas, comida inacessível…
Ou ficamos caladxs, ou organizamos a rebelião.

Recife resiste!

Comentário por reciferesiste

Galera olha ae a nota política que fizemos em resposta a este caso e diversos outros realizados por nossa “segurança”.
Antes da nota… rolou conselho departamental do CFCH hoje, deliberou-se que abririam uma sindicância interna para investigar os abusos dos seguranças. Os membros são: Maicon – Estudante de Historia, Luiz Vieira – Prof de Filosofia e mais um professor que nao lembro o nome, além de uma vaga para CS, o qual realizará pleno de departamento amanha para indicar um nome.
Mais uma coisinha, já fora do conselho uma professora falou de mais um abuso de um segurança contra uma bolsista, após objeção da própria contra a abordagem o segurança virou para a mesma e disse não ter nada a ver com isso, ela se quisesse reclamasse à universidade…

é galera os casos se multiplicam…

abaixo a nota política contra a TKS…

Comentário por Fer

Nota de repudio as agressões por parte de seguranças privados da empresa TKS contra estudantes no CFCH
Nós que abaixo firmamos esta nota, estudantes e organizações indignadxs com os recentes abusos da segurança universitária, especialmente após o ingresso da empresa TKS, contratada para o serviço de ronda motorizada da UFPE, viemos nos posicionar contra a continuidade da mesma na nossa Universidade, pelos motivos expostos a seguir:
1. Entendemos que a contratação de uma empresa de segurança privada, em detrimento da seleção e capacitação de pessoal próprio é um absurdo, um desrespeito ao funcionalismo público.
2. Absurdo também é a licença para que uma empresa tenha PORTE DE ARMA dentro de nossa Universidade – nem os seguranças concursados andam portando armas de fogo
3. Uma empresa que nos é apresentada como ronda motorizada, recebe uma ampliação de poderes sem sequer a possibilidade de contraposição por parte da comunidade acadêmica. Do dia para a noite, sem que fossemos sequer perguntadxs esta mesma empresa (TKS) começou a fazer ronda DENTRO dos prédios, sem esquecer um detalhe, ARMADOS.
4. As agressões por parte dos funcionários desta empresa contra estudantes, fato que chegou ao conhecimento de mais pessoas na comunidade acadêmica após o ultimo excesso no dia 19/04/2011, são recorrentes. Sem contar os abusos de autoridade já sabidos por determinados grupos da universidade, como casais homossexuais e ciclistas que tem que pular a grade por conta das catracas.
5. O caso do dia 19/04/2011, em que dois seguranças da empresa TKS agrediram dois estudantes em frente ao CFHC após uma discussão, só evidencia o despreparo de tal empresa. Não admitimos a continuidade da TKS, com despreparo já conhecido, a circular armada por nosso campus, muito menos dentro dos prédios.
6. Não estamos dispostos a sermos enganados pela falácia da segurança, quando temos a realidade da vigilância e da mediação de conflitos através da truculência.
7. Não eximimos a reitoria de culpa e exigimos que ela, além das medidas contra a empresa, também seja responsabilizada.Pois, a reitoria com sua tradição antidemocrática de deliberações acerca dos rumos da universidade (vide REUNI) não consulta a comunidade acadêmica e vêm entregando de bom grado nossa universidade às mãos de empresas privadas (R.U., Chefe Platão, TKS…), algumas delas (IDS) estão inclusive há três meses sem efetuar os pagamentos de seus/suas funcionárias.A divulgação da instauração de um procedimento interno para investigar a agressão ocorrida no dia 19/04/2011, não impedirá a mobilização dos estudantes agredidos. Até porque a reitoria em nenhum momento convocou os mesmos para escutar a sua versão.
Por esses motivos exigimos:
O cancelamento imediato com o contrato da TKS e a abertura de um processo com participação e poder de decisão por parte da comunidade acadêmica na escolha do formato da segurança a ser efetivada no campus.

Comentário por Fer

Sim, mais uma coisa…

as assinaturas serão coletadas a partir de hoje, tanto de estudantes quanto de organizações que queiram engrossar esta pauta.

Comentário por Fer

vídeo do protesto!

Comentário por tks

Vários vídeos e fotos de manifestações podem ser encontrados aqui: http://movimentosjuvenisbrasileirosparte7.blogspot.com/

Comentário por Otávio Luiz Machado




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: