recife resiste!


ATO PÚBLICO CONTRA A NOVA PROPOSTA DE CÓDIGO FLORESTAL
07/05/2011, 21:31
Filed under: divulgação | Tags: , ,

Elaborado pelo deputado federal Aldo Rebelo (PCdoB-SP), o relatório que impõe mudanças no Código Florestal sugere, entre outras coisas, a redução das Áreas de Proteção Permanente (APPs) nas margens dos rios dos atuais 30 metros para apenas 15 metros. Outra mudança proposta é a permissão de supressão de vegetação nos topos de morros, assim como a flexibilização da ocupação das encostas para fins de produção agrícola.

A relação do texto de Aldo com as enchentes no Estado de Pernambuco e com as catástrofe da Região Serrana do Rio é clara e evidente, afirmam os pesquisadores das mais diversas áreas. Outro ponto de grande impacto que o projeto propõe, é o fim da Reserva Legal, que é a área localizada no interior de uma propriedade ou posse rural, que não seja a de preservação permanente (APP). O objetivo da RL’s é a conservação e a reabilitação dos processos ecológicos, conservação da biodiversidade e o abrigo e proteção de fauna e flora nativas. O tamanho das Reservas Legais varia de acordo com o bioma e o tamanho da propriedade. Por exemplo, na Amazônia a reserva deve ser de 80% da propriedade rural. No cerrado (dentro dos estados que compõe a Amazônia Legal) esse tamanho diminui para 35% da propriedade rural. No restante do país esse limite é de 20%. Mas só para termos uma idéia do que isso significa, podemos citar que hoje só restam apenas 5% da extensão original do Bioma Mata Atlântica, no qual é o bioma mais rico em biodiversidade do planeta. E o que restou desse bioma, a maior parte está mas margens dor rios (Matas Ciliares) e nas Reservas Legais dos grandes latifúndios do agronegócio.

E pra desmoralizar de vez o Brasil e descredibilizar as nossas Leis ambientais, o deputado do PCdoB prevê uma impunidade criminosa para os desmatadores que devastaram áreas ambientais entre 1994 a 22 de julho de 2008. Segundo o Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis), caso seja aprovada a “anistia”, a não punição dos infratores vai significar a isenção de multas que totalizariam o recolhimento de R$ 10,6 bilhões. E esses são apenas alguns exemplos das muitas modificações que o atual código florestal pode sofrer.

Pensando nisso, diversas organizações socioambientalistas e acadêmicas, estão se juntando neste domingo (8 de Maio de 2011) às 17 horas, para protestar no Marco Zero. Durante o Ato Público haverá manifestações artísticas, palestras e muita energia jovem em favor da sustentabilidade do nosso planeta.

Anúncios

2 Comentários so far
Deixe um comentário

energia jovem,é?
hahahha
TJS AEW!

Comentário por luis

Esse novo código florestal é um absurdo!!!
Será que não existe mais consciência no Brasil ?
ABSURDO! Não existe outra palavra.

Comentário por Bruno




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: