recife resiste!


Lojas com lixo hospitalar são fechadas no PE
16/10/2011, 19:00
Filed under: notícias | Tags: , , , ,

A Vigilância Sanitária de Pernambuco interditou hoje duas lojas da Império do Forro de Bolso, empresa de Santa Cruz do Capibaribe (a 205 km de Recife) que vendia lixo hospitalar importado dos Estados Unidos.

A Folha (argh!) esteve na sexta em uma das lojas e comprou nove lençóis, como foi publicado neste sábado. Havia peças –algumas delas com manchas– com logotipos e inscrições de hospitais e entidades de saúde norte-americanas.

Segundo o gerente-geral da Vigilância Sanitária de Pernambuco, Jaime Brito, uma das lojas interditadas fica em um município vizinho, Toritama, que também faz parte do polo de confecções do agreste do Estado.

No sábado, Brito retornou às cidades, desta vez acompanhado de agentes da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para coletar material para análise e perícia. A quantidade de produtos estocados nas duas lojas ainda não foi calculada.

A reportagem não conseguiu falar com o proprietário ou com um representante da empresa.

CONTÊINERES

Na terça e na quinta-feira, a Receita Federal apreendeu no porto de Suape (PE) dois contêineres com 46 toneladas de resíduos hospitalares vindos dos EUA. Seu conteúdo era descrito como “tecido de algodão com defeito”. Mas nos compartimentos havia, entre outros produtos, lençóis manchados de sangue e seringas. O destino da carga era Santa Cruz do Capibaribe.

Esse tipo de material é proibido de entrar no país e oferece risco à saúde. Neste ano, a mesma importadora já havia trazido para Pernambuco outros seis carregamentos, que não foram retidos na fiscalização. A Receita Federal não divulgou o nome da confecção responsável pela importação.

Agora, a Receita aguarda a chegada de mais 14 contêineres dos EUA encomendados pela mesma empresa. Segundo o órgão, o carregamento já está em um navio e deve chegar ao porto de Suape em uma semana.

A Receita ainda não sabe qual é o conteúdo dos compartimentos. A empresa que exportou o material para o Brasil pode declarar qual é a carga no prazo de cinco dias antes de o navio chegar.

 

Mídia corporativa: folha.com

Anúncios

2 Comentários so far
Deixe um comentário

Fiquei chocada!

Comentário por Jú Ferreira

Em 2009 o Brasil já havia recebido lixo importado ilegalmente do Reino Unido. Os contêineres desembarcaram nos portos de Santos, SP e no Rio Grande do Sul. Agora, segundo informações dos trabalhadores no pólo de confecção de roupas do agreste, esses lixos hospitalares (lençóis, sujos de excrementos e etc – Resolução nº 5/93 do CONAMA-Conselho Nacional do Meio Ambiente), entraram como se fosse “tecido com defeito” (falsa comunicação de conteúdo), o resíduo, (Lei 12.305/2010, artigo 3º, XVI,), vinha sendo importado (contrabando), ha cerca de 10 anos, sendo distribuído entre Caruaru, Toritama e Santa Cruz do Capibaribe. Comentário: Dr. Eudes de Toritama

Comentário por Dr Eudes




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: