recife resiste!


Edifício Trianon se transformará em conjunto habitacional para famílias cadastradas no MTST
24/02/2011, 17:30
Filed under: notícias | Tags: , , ,

Cinco meses depois de ocupar o Edifício Trianon, o Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto de Pernambuco (MTST/PE) conquistou o direito de usar o prédio como moradia. A construtora que era dona do edifício desistiu da ideia de levantar um shopping no local para transformar o espaço numa área residencial destinada às famílias cadastradas no MTST. O prédio foi transformado em mais um projeto do programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal, e será vendido para famílias sem-teto por preços populares e condições de pagamento facilitadas. No dia 3 passado, a direção do Sindicato emprestou o auditório da entidade para uma reunião entre as famílias do MTST e a Caixa. “A transformação de um edifício ocupado pelos sem-teto em moradias populares por meio do Minha Casa, Minha vida é inédita no Brasil. É o primeiro caso que conseguimos enquadrar neste programa, que tem um outro desenho”, diz o gerente regional de Habitação da Caixa, Luiz Byron. Para a presidenta do Sindicato, Jaqueline Mello, é um orgulho para a entidade poder fazer parte desta história. “Nós sempre defendemos o direito à moradia como peça fuamental da conquista da cidadania. A transformação do edifício Trianon em moradias populares para os sem-teto é de extrema importância para que outros projetos como esse possam surgir dentro do Minha Casa, Minha Vida”, comenta. Jaqueline destaca que a parceria do Sindicato com o MTST é antiga. “Os sem-teto inclusive já lutaram junto com os bancários em nossas campanhas salariais”, completa.

Fonte: SEEC/PE

Anúncios


Sem teto ocupam sede do IBGE
17/02/2011, 16:50
Filed under: notícias | Tags: , , ,

Sessenta famílias ligadas ao Movimento dos Trabalhadores Sem Teto em Pernambuco (MTST-PE) ocuparam esta manhã o quinto andar da sede da superintendência do IBGE/PE, localizado antiga sede da Sudene, na Caxanga. De acordo com Jaílton Serafim, coordenador do movimento, o objetivo é pressionar o órgão para a relização de uma reunião para definir os rumos de cerca de 100 famílias oriundas do Edifício Trianon e que há três meses vivem na sede do IBGE na Rua do Hospício.

Segundo ele, um oficial de justiça visitou o local ontem e informou os sem teto que o prédio é alvo de uma reintegração de posse. Temendo serem retirados do local sem outra alternativa de moradia, os manifestantes querem ser recebidos também por membros da Secretaria de Articulação Social e da Gerência Patromonial da União.

Mídia corporativa: Diário de Pernambuco



CARTA DE SOLIDARIEDADE À OCUPAÇÃO SEM-TETO MARGARIDA ALVES (TRIANON)
29/11/2010, 17:17
Filed under: carta | Tags: , , , ,

O arranjo espacial urbano recifense, no presente momento histórico, reflete um modelo de produção do espaço intrinsecamente ligado aos processos de produção de mais-valia. Esse modelo possui como principais características: a promoção de desigualdades socioespaciais ocasionada pelo regime de propriedade e a distribuição desigual dos bens e serviços necessário à vida digna sobre o espaço.

Neste sentido, apenas as classes sociais mais abastardas e parte dos setores médios, gozam das benesses do viver urbano, protagonizando a construção e organização da cidade, numa postura, muitas vezes, corporativista e elitista. Essas classes regram e normatizam a cidade de maneira que não há como acessá-la por outras vias que não através do mercado, diretamente ligado às leis da oferta e da procura. Dessa forma, eles canalizam, restringem e direcionam as possibilidades e os meios de viver na cidade!

Continue lendo



Quem são e como vivem os moradores do Trianon
13/10/2010, 19:07
Filed under: digressões | Tags: , , ,

No último dia 9 de setembro, Edson do Nascimento, 29 anos, entrou num ônibus fretado pelo Movimento dos Trabalhadores Sem Teto em direção a um lugar ainda desconhecido. Por volta das 4 horas da manhã estacionaram em frente ao Edifício Trianon, na Avenida Guararapes, e um dos líderes anunciou que ali seria o local ocupado. Edson é um dos coordenadores estaduais do movimento e organiza mais de 350 pessoas nos sete andares do imóvel, uma média de 120 famílias. Ícone da arquitetura dos anos 1940, o prédio servia apenas como camarote do Galo da Madrugada, no Carnaval.

Do lado de fora, Priscila, uma menina não maior que 18 anos faz vigília na porta do prédio. Ela se reveza com outra pessoa em turnos de 24×24 para que ninguém entre sem permissão no Trianon. Não-moradores também não podem andar descompanhados dos coordenadores de andar – seis ao todo – nem entrar sem serem anunciados. Há muita organização em diversos setores como iluminação, limpeza, convivência e também política, ainda que muito precária. “Quando chegamos aqui encontramos muito lixo, entulho. Pessoas entravam para defecar, estava imundo”, lembra Edson, que junto com os moradores iniciou a limpeza de todos os andares.

Continue lendo



Sem Teto planejam novas ocupações no Estado
13/10/2010, 19:01
Filed under: notícias | Tags: , , ,

No jargão dos Sem Teto, “festinha” quer dizer ocupação. Costumam dizer também “que o bebê vai nascer”. Uma fonte ouvida pelo JC Online nesta quarta-feira (13) diz que duas novas ocupações devem ocorrer neste mês de outubro. O local ainda é sigiloso.

Na manhã desta quarta, dois coordenadores moradores do Trianon ocupado foram até Campo Grande, na Zona Norte do Recife. Lá cerca de 100 famílias já estão com barracos levantados. A área pertence à União e está em litígio com uma empresa de construção que fica por trás do imóvel. Como a esfera é federal, esse empresário teve sua decisão favorável obtida pela Justiça comum indeferida.

Continue lendo



Reunião discute o futuro do Trianon
06/10/2010, 14:15
Filed under: notícias | Tags: , , , , ,

A Companhia Estadual de Habitação de Pernambuco (Cehab) será o local de uma reunião hoje entre representantes do órgão, da Prefeitura do Recife, do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MTST) e demais autoridades sobre a ocupação irregular do Edifício Trianon, na avenida Guararapes, Centro da Cidade. O prédio está ocupado desde o dia 7 de setembro por 150 famílias que não têm onde morar e que vieram de comunidades do município de Paulista, e bairros do Fundão, Arruda e Campo Grande, no Recife. A ocupação faz parte de um movimento maior que realizou várias ocupações em Pernambuco.

O objetivo da reunião é encontrar uma solução para os moradores, já que, segundo os ocupantes do prédio, os proprietários entraram com um processo de reintegração de posse em caráter de urgência. Quem vive no local, espera que a situação seja definida ainda esta semana, evitando assim manifestações futuras do MTST. “O ideal seria a desapropriação, já que o local é abandonado e só é utilizado uma vez por ano, no carnaval. A gente não tem para onde ir e nem recebe nenhum tipo de auxílio”, revelou uma moradora. Eles reivindicam ainda a construção de casas populares.

ATO

Solidários aos ocupantes do prédio, um grupo de jovens do Comitê da Solidariedade promoveu um ato na tarde de ontem. O movimento, que é formado por alunos da UFPE e integrantes de coletivos, distribuiu panfletos tentando conscientizar a população para o problema. Para eles, a causa é legítima e a sociedade precisa se envolver na questão ativamente. Em outras ações, o grupo arrecadou fundos para a compra de uma bomba d’água para o prédio e também roupas e cobertores.

Mídia Corporativa: Folha de Pernambuco



Resistir: Ato contra o despejo da ocupação Margarida Alves

No dia 7 de setembro 150 famílias ligadas ao MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto) ocuparam o edifício Trianon no centro do Recife. Até então o prédio só era usado em época de carnaval, funcionando como camarote. Hoje, mulheres, homens e crianças de várias idades fazem dele o seu lar.

Neste momento, porém, o sonho de uma moradia dá lugar ao pesadelo de uma ordem de despejo, que pode ser executada a qualquer momento.

Nós, do Comitê de Solidariedade, estamos por meio desse comunicado pedindo o apoio de qualquer espécie para que possamos resistir ativamente contra a expulsão das famílias. Participe:

ATO CONTRA O DESPEJO DA OCUPAÇÃO

Terça-feira, 05 de outubro

Av. Guararapes, em frente ao EDF Trianon

16:00 horas

Você pode nos procurar pelo email solidariedadetrianon@riseup.net para participar ativamente da resistência e/ou enviando email com assunto “contra a expulsão das famílias da Ocupação Margarida Alves” para o email governo@governadoria.pe.gov.br

DIVULGUE ESSA MENSAGEM. Repetimos: o despejo pode acontecer a qualquer momento.

SE MORAR É UM DIREITO, OCUPAR É UM DEVER!