recife resiste!


MST marcha rumo ao palácio do governo

Depois de quatro dias de reuniões e negociações com o INCRA e secretarias do governo, cerca de mil trabalhadores e trabalhadoras de várias regióes do Estado, acampados no INCRA Recife, desde o dia 23 de agosto, saíram em marcha pelas principais avenidas da capital agora pela manhã rumo ao Palácio do Governo para entrega da pauta de reivindicações.

Fonte: Comunicação MST-PE

Anúncios


MST ocupa sede da CODEVASF e Banco Brasil em Petrolina

Cerca de 500 famílias ocuparam hoje (23) em Petrolina a sede da CODEVASF (Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco) reivindicando reunião com o Presidente da CODEVASF e o Ministro da Integração Nacional Fernando Bezerra Coelho sobre as terras do Pontal Sul, e o Banco do Brasil com a pauta da Via Campesina da Anistia das renegociações das dívidas.

Continue lendo



MST ocupa sede do INCRA em Pernambuco

Na manhã de hoje (23), 200 trabalhadores rurais Sem Terra ocuparam a sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) no Recife. Outros ônibus estão chegando de várias partes do estado, e segundo o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) até o final do dia o número de trabalhadores deve chegar a 500. Os Sem Terra estão montando acampamento no pátio do órgão e ficarão acampadoslá por tempo indeterminado.

A ação faz parte da Jornada Nacional de Lutas por Reforma Agrária, iniciada esse final de semana, com ações em todo o Brasil. Em Brasília, 4.000 trabalhadores rurais ligados aos movimentos da Via Campesina estão acampados desde ontem nos arredores do Ginásio Nilson Nelson, e hoje ocuparam o Ministério da Fazenda.

Em Pernambuco, duas fazendas consideradas símbolo da violência do latifúndio no estado foram reocupadas na madrugada de domingo (21): a fazenda Consulta, no município de São Joaquim do Monte, palco de um grave conflito entre pistoleiros e trabalhadores Sem Terra em 2009; e a Fazenda Serro Azul, no município de Altinho, onde a Promotoria Agrária do Estado de Pernambuco e a Ouvidoria Agrária Nacional, em Brasília, investigam denúncias de ameaças contra Sem Terra por parte do proprietário e de pistoleiros.

Continue lendo



Abril Vermelho – Mais Seis Latifúndios Ocupados em Pernambuco

Nesta madrugada (19), foram ocupados mais seis latifúndios pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), de Pernambuco. Estas ocupações dão continuidade às ações da Jornada Nacional de Lutas por Reforma Agrária, que acontece em todo o Brasil, e já somam 2.710 famílias acampadas só no Estado de Pernambuco. Outras ocupações de latifúndios improdutivos no estado continuam nos próximos dias.

Até então já ocorreram 15 ocupações com mais de 2.710 famílias.

Para ver o balanço das áreas ocupadas até então é só continuar lendo…

Continue lendo



Novas Ocupações de Terras Marcam o Dia Nacional de Luta pela Reforma Agrária em Pernambuco

Na manhã de hoje (17), o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocuparam mais oito fazendas em vários municípios pernambucanos.

As ocupações dão continuidade às ações da Jornada Nacional de Lutas por Reforma Agrária no Estado de Pernambuco, e já somam 1.890 famílias acampadas. As ocupações de latifúndios improdutivos no estado continuam nos próximos dias.

A Jornada Nacional de Lutas por Reforma Agrária acontece em todo o Brasil, e seguirá até o final desse mês. O MST exige o assentamento das 100 mil famílias acampadas até o final deste ano; e que o governo apresente um plano de metas de assentamentos em áreas desapropriadas até 2014; um programa de desenvolvimento dos assentamentos, com investimentos públicos, crédito agrícola, habitação rural, educação e saúde; e medidas para garantir educação nos assentamentos, com a construção de escolas nos assentamentos, um programa de combate ao analfabetismo e políticas para a formação de professores no meio rural.

Continue lendo



Sem Terra ocupam mais um latifúndio em Pernambuco

Setenta (70) famílias Sem Terra ocuparam hoje (15), o engenho Paraguassú, no municipio de Itambé, zona da mata norte de Pernambuco.

Essa é a segunda ocupação de latifundio da Jornada Nacional de Lutas por Reforma Agrária no Estado de Pernambuco.

A Jornada de Lutas, promovida pelo MST em todo o país, é realizada em memória aos 19 companheiros assassinados no Massacre de Eldorado de Carajás,
em operação da Polícia Militar, no município de Eldorado dos Carajás, no Pará, em 1996, no dia 17 de abril.

Nesta semana, 17 estados se mobilizaram na Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária, somando-se, ainda, atividades em Brasília, na Cãmara
Federal, em lembrança aos 15 anos de impunidade do Massacre de Eldorado dos Carajás.

São mais de 18 mil famílias em luta, totalizando mais de 70 ocupações de latifúndios, mobilizações em 13 sedes do Incra, além de fechamento de
estradas, acampamentos, debates com a sociedade, audiências públicas e ações em diferentes órgãos dos governos locais, responsáveis pela questão agrária.

Continue lendo



MST dá início à Jornada de Lutas em Pernambuco

Na manhã de hoje (14), cerca de 80 famílias do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocuparam a fazenda Santa Rita, no municipio de São
Bento do Una, agreste pernambucano.

A ocupação dá incício às ações da Jornada Nacional de Lutas por Reforma Agrária no Estado de Pernambuco. O MST promete pelo menos mais 15 ocupações
de latifúndios improdutivos no estado nos próximos dias.

Dívida com a Reforma Agrária em Pernambuco

Os trabalhadores rurais Sem Terra de Pernambuco exigem que a superintendencia do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agraria (INCRA) do estado cumpra com a função pelo qual ele foi criado.

Segundo o estatuto regimental do INCRA, sua primeira finalidade é “promover e executar a reforma agrária visando a melhor distribuição da terra, mediante modificações no regime de sua posse e uso, a fim de atender aos princípios de justiça social”. Com as ocupações de terra trabalhadores rurais esperam pressionar para que o Instituto cumpra a finalidade pela qual existe.

Continue lendo