recife resiste!


Operários da Odebrecht entram em confronto com a polícia.
03/11/2011, 11:20
Filed under: notícias | Tags: , , ,

Mais uma confusão nas obras da Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata. Na manhã desta quinta-feira, cerca de 30 homens da Policia Militar teriam impedido o Sintepav-PE (Sindicato dos Trabalhadores na Construção de Estradas, Pavimentação e Terraplenagem em Geral de Pernambuco) de realizar uma assembleia para discutir as diretrizes das reivindicações.

De acordo com a assessoria do sindicato, a polícia não permitiu que o um carro de som fizesse parte da manifestação. O motorista acabou sendo preso, e o veículo foi apreendido. Ainda segundo informações, duas outras pessoas estariam hospitalizadas devido a um princípio de confronto dos trabalhadores com a PM.

“Tudo isso contrubuiu para que os operários se revoltassem ainda mais. Ao invés (de a polícia) fazer o papel do Estado, fez o da empresa, impedindo o pessoal de entrar na obra. E quem estava dentro não podia sair”, comentou Leodelson Bastos, assessor de imprensa do Sintepav-PE. A paralisacão permanecerá por tempo indeterminado até a situação ser resolvida.

Continue lendo



Em nova greve, operários da Arena Pernambuco param obras nesta terça
03/11/2011, 11:05
Filed under: notícias | Tags: , , ,

Cerca de 1.400 trabalhadores das obras da Arena Pernambuco, que prestam serviço na construção do estádio para a Copa do Mundo 2014, pararam suas atividades nesta terça-feira, em protesto contra a demissão de dois operários e até mesmo maus tratos sofridos no canteiro de obras, além de melhoria salarial.

Os profissionais estão reunidos às margens da BR-408, principal rota de ligação ao estádio.

– Os trabalhadores vêm sendo coagidos e agredidos fisicamente e moralmente pelo coronel Eduardo Fonseca, responsável pela segurança do local – afirma Leodelson Bastos, assessor do Sindicato dos Trabalhadores na Construção de Estradas, Pavimentação e Terraplenagem em Geral, do Estado de Pernambuco – SINTEPAV-PE

Os trabalhadores reivindicam a reintegração dos colegas e a saída do coronel Eduardo Fonseca.
A Polícia Militar está no local contendo os manifestantes.

Continue lendo



Greve dos operários da Odebrecht em Recife


Trabalhadores da Arena Pernambuco decretam greve de 24 horas
19/10/2011, 10:12
Filed under: notícias | Tags: , , , ,

Os trabalhadores da construtora Odebrecht envolvidos na construção da Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata, no Grande Recife, decretaram greve de 24 horas na manhã desta quarta-feira (19). O movimento por conta do não cumprimento de reivindicações antigas mobiliza cerca de 1.500 funcionários, entre pedreiros, carpinteiros, armadores e operadores de máquinas.

Após assembleia realizada nesta manhã, os trabalhadores seguiram para reunião na Secretaria de Articulação Social, no Recife. Caso não haja avanço nas negociações com a empresa, os grevistas prometem paralisação por tempo indeterminado. Nova assembleia acontece nesta quinta-feira (20), lá mesmo em São Lourenço.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores na Construção de Estradas, Pavimentação e Terraplenagem em Geral, do Estado de Pernambuco (Sintepav-PE), categoria e empresa estão negociando há mais de 15 dias. A Odebrecht teria se comprometido a dar uma posição em relação às reivindicações até segunda-feira (17), o que não houve.

» Veja as reivindicações dos trabalhadores:

– Cesta básica de R$ 200 (atualmente é R$ 80);
– Hora extra de 70% durante a semana – de segunda a sexta-feira (atualmente, é 60%) e aos sábados de 100%;
– Plano de Saúde para a categoria;
– Os armadores de andaime querem, ainda, um reajuste salarial. Eles reivindicam uma equiparação salarial com os mesmos profissionais que trabalham em Suape, que ganham cerca de R$ 1.200, enquanto os da Arena recebem R$ 897,40.

Fonte: Jornal do Commercio



Nota de apoio à Festa da Lavadeira e de repúdio à segregação da cultura popular de Pernambuco

A FESTA DA LAVADEIRA VAI ACONTECER!

As organizações da sociedade civil, redes, fóruns, partidos, cidadãs e cidadãos abaixo assinados vêm publicamente REPUDIAR a ação da Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho que, através da Lei Municipal 2.062, de 20 de dezembro de 2010, estabeleceu limitações infundadas à presença da população na área denominada Loteamento Reserva do Paiva, na Praia do Paiva. No local, há 25 anos acontece a Festa da Lavadeira, que reúne o povo trabalhador, artistas e grupos da cultura popular de Pernambuco e de estados vizinhos, bem como representações das religiões de matrizes africana e indígena, com o objetivo de celebrar o dia 1º de Maio e render homenagens às forças da natureza.

Através da legislação supracitada, que fere frontalmente os direitos humanos, tanto no que se refere à dimensão dos Direitos Econômicos, Sociais e Culturais manifestados na expressão da cultura popular e na vivência religiosa, quanto no tocante à dimensão Civil e Política que assegura o direito de ir e vir e fruir do espaço público, o poder público municipal aprovou ato de SEGREGAÇÃO em relação ao público da Festa da Lavadeira, constituído, em sua grande maioria, por mulheres e homens da classe trabalhadora. Esta atitude de APARTHEID não tem como objetivo a preservação do meio ambiente, mas a preservação do poder econômico privado, representado pela construtora Odebrecht e pelo Grupo Brennand, que exploram economicamente a área com a construção de um complexo imobiliário destinado a milionários.

Continue lendo



Funcionários protestam no Complexo de Suape e não retornam ao trabalho
23/03/2011, 10:44
Filed under: notícias | Tags: , , , ,

A manhã desta terça-feira (22) foi de protestos no Complexo de Suape, no Litoral Sul do Estado. Um trecho da estrada de acesso às obras foi bloqueado e os operários voltaram a se reunir no canteiro de obras porque não aceitaram as propostas feitas pelas empresas, envolvidas na construção da Refinaria Abreu e Lima e da Petroquímica Suape.

Os funcionários querem R$ 160 de vale-alimentação e também o pagamento de 100% de hora extra aos sábados. De acordo com o Sindicato da Indústria da Construção Pesada, quase 25 mil pessoas pararam de trabalhar.

Na tarde desta terça, os advogados do sindicato disseram que vão entrar com um pedido no Tribunal Regional do Trabalho para que a greve seja considerada ilegal. Eles querem que os operários voltem ao serviço.

Além disso, uma nova audiência com o Ministério Público do Trabalho foi marcada para tentar resolver o impasse. O encontro será realizado às 15h desta terça.

Mídia corporativa: pe360graus.com



Greve reacende lutas operárias em Pernambuco
18/03/2011, 15:30
Filed under: notícias | Tags: , , , ,

O consórcio Conest é composto pela OAS e a Odebrecht, que são responsáveis pela construção das unidades UHDT e UDA da refinaria Abreu e Lima no Complexo Industrial e Petroquímico de Suape. Ali também se instalaram, operando dentro dos mais de 13 mil hectares, outras empresas do ramo da construção pesada, como a gigante Queiroz Galvão e outras terceirizadas, um conjunto variado de transnacionais que abrangem vários ramos de indústrias, além do estaleiro e do complexo portuário.

Neste mosaico de exploração, a concentração de operários é massiva, os salários são miseráveis e os trabalhadores têm seus diretos mais básicos pisoteados.

Um operário da OAS que não quis se identificar relatou: “Nos trazem comida que nem um porco come, é estragada, podre mesmo, até tapurú (larvas) e as moscas ficam rondando e somos obrigados a comer… Além do mais as marmitas vêm com pouca comida e não podemos repetir, é uma pra cada um. Já os encarregados, gerentes, engenheiros e pessoal técnico, comem bem, comem em lugar separado, e a comida deles é sadia, além de poderem comer o quanto quiserem”.

Outro operário da Pampulha Engenharia, terceirizada da Odebrecht, nos conta que enfrentam “uma fila quilométrica com mais ou menos 9 mil companheiros pra almoçar” e que só tem uma hora para comer. Um outro funcionário alega que foi demitido por reclamar da comida, do salário e do pagamento das horas extras. Ao procurar o sindicato: nova decepção.

Continue lendo